24 janeiro 2014

O desemprego, a chaga social maior

"Os números do desemprego podem chegar aos 20%, um valor que sobe descontroladamente no caso dos jovens. Mas, insensível, o governo continua a tomar medidas que agravam este flagelo. O orçamento de Estado de 2013 incorpora mesmo políticas activas... de desemprego.

Da Corrupção à Crise. Que Fazer ?

A carga fiscal prevista no orçamento de 2013 trouxe a generalização da pobreza e o aniquilamento da classe média. O aumento do IRS e do IMI arruína os orçamentos familiares, depois da subida do IVA ter provocado a diminuição da procura.

Este efeito conjugado de agravamento de preços e redução de salários acarretará falências em massa. O corolário lógico será o aumento galopante do desemprego, como o próprio primeiro-ministro já reconheceu."

do livro 

"Da Corrupção à Crise. Que Fazer?

do prof Paulo de Morais


Diria que nos últimos tempos temos recebido notícias que o emprego tem invertido e começou a diminuir...

Basta ler a noticia no portal do governo:

Mas não diz que tipo de emprego...
Se inclui os estágios com termo...
E qual a média dos salários pagos...

Será que o país regressou à geração dos 500 ?




Sem comentários: